Tenha sempre muita atenção com a sua alimentação.
Manter uma alimentação saudável é fundamental para se viver bem. Existem algumas dicas que podem melhorar a qualidade da sua vida, como alimentar-se de forma equilibrada e regular. Procurar um nutricionista para esclarecer dúvidas também pode ajudá-lo(a). Leia as dicas a seguir e comece, desde já, a entender e a escolher melhor o que você come.
Saiba como ter uma alimentação mais saudável.
Comer de forma regular, devagar e com atenção é uma boa maneira de controlar naturalmente a quantidade ingerida de alimentos. Além disso, comer em ambientes limpos, confortáveis, tranquilos e onde não haja estímulos para o consumo de quantidades ilimitadas também pode favorecer esse controle. Em média, as mulheres devem consumir cerca de 2.000 calorias por dia, e os homens, 2.500. A maioria dos adultos vem consumindo mais calorias do que precisa.
Existem outros hábitos alimentares que também podem ajudar.
  • A base da alimentação deve ser rica em carboidrato;
  • Procure comer ao menos cinco porções diferentes/dia, entre frutas, legumes e vegetais;
  • Coma mais peixes;
  • Coma menos sal;
  • Reduza a quantidade de gorduras saturadas e açúcar;
  • Seja ativo para ter um peso saudável;
  • Não sinta sede;
  • Beba água e leite, mas opte por um com baixo teor de gordura;
  • Evite adoçar o chá e o café;
  • Não pule as refeições.
Entender como os nutrientes funcionam também é muito importante.
Valor calórico ou energético
A energia produzida pelo nosso corpo é proveniente de carboidratos, proteínas e gorduras totais. Na rotulagem nutricional, o valor é expresso em forma de quilocalorias (kcal) e quilojoules (kj). Prefira alimentos com baixo teor calórico.
Carboidratos
São os nutrientes, cuja principal função é fornecer a energia para as células do corpo. São encontrados em maior quantidade em massas, arroz, açúcar, mel, pães, farinhas, tubérculos (batata, mandioca, inhame etc.) e doces em geral.
Proteínas
São nutrientes necessários para construção e manutenção dos nossos órgãos, tecidos e células. Encontramos em carnes, ovos, leite e derivados, e nas leguminosas (feijão, soja e ervilha).
Gorduras totais
São nutrientes que também fornecem energia para o corpo e ajudam na absorção das vitaminas A, D, E e K. As gorduras totais referem-se à soma de todos os tipos de gorduras encontradas em um alimento, tanto de origem animal quanto de origem vegetal.
Gorduras saturadas
Tipo de gordura presente em alimentos de origem animal. O consumo excessivo desse tipo de gordura pode aumentar o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, por isso o consumo deve ser moderado.
Gorduras trans
Encontradas em grande quantidade em alimentos que utilizam gordura vegetal hidrogenada em suas preparações. O consumo desse tipo de gordura deve ser muito reduzido, considerando que o nosso corpo não precisa dele, além de aumentar o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares.
Fibras alimentares
Estão presentes em diversos tipos de alimentos de origem vegetal, como frutas, hortaliças, feijões e alimentos integrais. A ingestão de fibras auxilia no funcionamento do intestino.
Sódio
Está presente no sal de cozinha e em alimentos industrializados (salgadinhos de pacote, molhos prontos, embutidos). Deve ser ingerido com moderação, uma vez que o seu consumo excessivo pode levar ao aumento da pressão arterial.
Cálcio
O cálcio é um mineral essencial para manter os ossos saudáveis. No nosso organismo, atua no metabolismo celular, na contração muscular e em diversos processos. Para que o organismo absorva o cálcio de forma eficaz, é importante que ele seja ingerido sem associação a alimentos que contenham cafeína ou ferro.
Fonte: cuidadosmil